ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE PROCLAMADO INTELECTUAL DO ANO DE 2014.

ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE PROCLAMADO INTELECTUAL DO ANO DE 2014.

LIVRO DE POESIAS


 LIVRO DE POESIAS EDITADO PELO “CAFÉ LITERÁRIO ANTÔNIO ROBERTO FERNANDES” DO QUAL PARTICIPEI COM VÁRIOS "POEMAS" DE MINHA AUTORIA.

Aproveito o ensejo para dizer, que, já tenho totalmente digitado, formatado e pronto a ser entregue a Editora, para preparação de sua edição, mais um LIVRO DE MINHA AUTORIA, cujos esforços, eu tenho empreendido, no sentido de seu lançamento, o que espero poder fazê-lo em breve. Queira Deus que consiga, é mais um sonho que estou tentando em realizar!



LEMBRANÇA - QUE HOJE ME FIZERAM RECORDAR DESSE FEITO

Hoje me lembraram que nesse mês de junho, completaram 12 anos da realização e inauguração da obra de asfaltamento da localidade de BREJO GRANDE; obra que na função de Secretário de Obras da Municipalidade, conduzí sua realização, com recursos próprios da Prefeitura, cuja massa asfáltica foi produzida na USINA DE ASFALTO do Município, então existente na localidade de Vilão, construída no governo de Sr. Pedro; o que fiz com muito carinho e boa vontade, atendendo a reivindicação dos moradores da comunidade, que muito prezo  e tenho grandes amigos. FOI MUITO BOM TER SIDO LEMBRADO DESSE FEITO!

A VERDADE DESCONHECIDA

COMO FAZER O BRASIL PROSPERAR?"



A VERDADE DESCONHECIDA

Sofro, só em pensar,
na dor do desprovido,
obreiro desassistido,
sem meios de conquistar
o direito que lhe é devido,
por puro desprezo ou preterição,
daqueles , que tem a “Nação”
sob seu domínio, poder,
comando ou autoridade.


A realidade brasileira,
desconhecida, da expressiva
maioria da sociedade,
está, repartida em diversas
camadas, todas, fragmentadas
nas suas próprias
composições hierárquicas;
cada qual, com olhares e objetivos
direcionados para seu círculo;
uma divisão ridícula, inconsciente
e truanesca irresponsabilidade.


O Brasil, com a dimensão
e extraordinária riqueza natural,
de característica diversificada,
não pode ser o país
da falta de oportunidade,
de desilusões e desesperança.


Não poderia permitir que a fome
destrua o seu povo, que o conduza
a se alimentar de restos,
ao desespero e aos delitos.


Não poderia admitir
que a sua gente,
falte condições de saúde,
de educação, de moradia
e de conveniência.


A história nacional registra
um passado de dificuldades,
lutas e glórias; das dificuldades,
houve várias oportunidades
de superá-la; das lutas e glórias,
estão seus filhos, “que não fogem a luta”,
descartados e sem chance de conquistá-las.

                                            Roberto Pinheiro Acruche

ACADEMIA PEDRALVA FAZ REUNIÃO HISTÓRICA


 A palestra realizada pelo cineasta Carlos Alberto Misogno, teve como tema o filme "TERRA EM TRANSE" DE 1967, cinema místico e revoluncionário de 'GUALBER ROCHA" e o '"CINEMA NOVO" ;cinema voltado para a realidade brasileira, com uma linguagem adequada a situação social da época. Ao comentar a importância, a beleza,, o valôr histórico da palestra feita pelo cineasta Carlos Alberto, o Presidente Roberto Pinheiro Acruche além de sentir, provocou um momento de tamanha emoção, que atingiu a todos, inclusive ao palestrante, quando prestou um verdadeiro testemunho dos fatos ocorridos na época e fielmente retrato pelo cinema.
 Nesta foto o Presidente Roberto Pinheiro Acruche destaca o exemplar do Jornal Folha da Manhã que reporta a realização do Seminário coordenado pelo Acadêmico Marcelo Sampaio, que está a direita de Graziela Escocard Ribeiro.. Participaram do debate, o Acadêmico André Pinto, brilhante como sempre, o Vice-Presidente José Gurgel dos Santos; o Acadêmico Agostinho Rodrigues; o historiador Gildo Henriques; o Acadêmico Thelmo Albernas e a Diretora do Museu Histórico Graziela Escocard Ribeiro. No final, o Presidente Roberto Pinheiro Acruche, agradeceu e parabenizou ao Acadêmico Marcelo Sampaio, que instituiu e coordenou mais essa realização do Seminário Cultural da Pedralva, pelo brilhante momento;e felicidade de escolha do "TEMA" e do palestrante, a quem também agradeceu e parabenizou, pela maravilhosa explanação sobre o "TEMA", assim como agradeceu a presença dos acadêmicos e acadêmicas, dos amigos da PEDRALVA, registrando ainda e agradeceu a honrosa presença do Escritor ARTHUR BEZERRA, de São João da Barra e do historiador GILDO HENRIQUES.
Academia Pedralva Letras e Artes - Palestra do Produtor Cultural, Cineasta e Musicista CARLOS ALBERTO BISOGNO.- Mesa Diretora: No centro Roberto Pinheiro Acruchr-Acadêmico e Presidente da Academia; a sua direita: Graziela Escocard Ribeiro - Diretora do Museu Histórico de Campos dos Goytacazes e ao seu lado direito o Acadêmico Marcelo Alencar - Coordenador do Seminário Cultural da Academia PEDRALVA; a esquerda do Presidente Roberto Pinheiro Acruche, o Acadêmico Dr. Thelmo Lopes Albernaz - que secretariou a sessão,e o Acadêmico e Vice-Presidente José Gurgel dos Santos.

I CONGRESSO BRASILERO DE ACADEMIAS DE LETRAS




Convite I Congresso Brasileiro de Academias de Letras

A oportunidade de participar deste Congresso,
é motívo de alegria e honra.

Coordenação de Produção
 

Boa Tarde


A Academia Fluminense de Letras tem a honra em
convidar,para o I Congresso de Academia de Letras.
Segue em anexo o convite do evento...


DESMANCHE DA USINA BARCELOS

A ACADEMIA PEDRALVA LETRAS E ARTES, que a 70 anos ininterruptamente vem atuando a favor da cultura, da arte, das tradições regionais e em defesa da preservação do patrimônio histórico, mostra a sua preocupação em relação ao desmonte da Usina Barcelos, estando solidária com todos que estão empenhados com a sua preservação. A Usina Barcelos é parte de extrema importância na história da nossa região.

HOMENAGEM AO GRANDE POETA ANTÔNIO ROBERTO FERNANDES


No 31/05/2017, a Academia Pedralva Letras e Artes, estará realizando sessão extraordinária para comemorar a data de nascimento do saudoso Acadêmico e Poeta Antônio Roberto Fernandes. Primeiro evento em homenagem ao mestre na praça que tem o seu nome, fica na rua Saldanha Marinho, no bairro Flamboyan. O início das homenagens está previsto para as 19 horas. Com exposição, poesias, músicas com a participação de vários artistas, e muitas surpresas. Estão convidados todos os acadêmicos e Acadêmicas, Escritores, poetas e poetisas, trovadores e trovadoras, os amigos de Antônio Roberto, familiares de nosso poeta maior e VOCÊ QUE GOSTA DE POESIAS, MÚSICAS, ARTES... A ACADEMIA PEDRALVA se sentirá honrada com a sua participação.


ALUNOS DO CIEP - 470 NA ACADEMIA PEDRALVA LETRAS E ARTES

  A participação dos alunos do CIEP - 470 (CELSO MARTINS CORDEIRO) DE SÃO FRANCISCO DE ITABAPOANA , na reunião da ACADEMIA PEDRALVA LETRAS E ARTES, realizada nesse sábado, dia 20/05/2017 foi um grande sucesso.Estiveram acompanhados da Diretora Adjunta  Kátia Regina Martins dos Santos e da Agente de Leitura - Iris Rosa, os alunos: Jerfeson Pereira, Ester Maria, Mariane, Rebeca e Yasmim.
//
 Aluna Yasmim declamando o Poema DIFERENTE de autoria do Acadêmico Presidente da Academia Pedralva, Roberto Pinheiro Acruche.

 Aluno Jeferson Pereira (poeta) declamando de sua autoria o Poema "DESABAFO"
 Aluna Rebeca, declamando o Poema "MEU PARAISO"
 Aluno Jeferson Pereira, Diretora Adjunta - Kátia Regina e o Presidente da Academia Roberto Pinheiro Acruche,
Mesa Diretora da Reunião, formada: Presidente Roberto Pinheiro Acruche, Secretário Thelmo Albernaz , da Diretora Adjunta e da Agente de Leitura do CIEP Kátia Regina e Iris Rosa.

Os alunos, foram muito aplaudidos em suas apresentações e aclamados como revelação cultural e o CIEP  com Congratulações pelo brilhante trabalho cultural que vem desenvolvendo.

ALUNOS, DIRIGENTES, PROFESSORES DO CIEP 470 - SÃO FRANCISCO DE ITABAPOANA NA ACADEMIA PEDRALVA

Alunos, Dirigentes e Professores do CIEP 470 - em São Francisco de Itabapoana, estarão participando da Reunão da Academia Pedralva Letras e Artes neste sábado dia 20 de maio de 2017. Também está sendo aguardada a presença da Professôra Ana Souza e do Grupo Gotta, certamente será mais uma reunião histórica da Academia!
Estas fotos  registram a participação do Presidente da Academia Pedralva - Roberto Pinheiro Acruche em encontros literárioS promovidos pelo CIEP. - O Grupo Gotta todas as vezes que estevieram na Academia, foi um sucesso!








PEQUENA EXPOSIÇÃO DA HISTÓRIA LITERÁRIA, CULTURAL E ESPORTIVA, DE ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE



ESPOSIÇÃO REALIZADA PELO DEPARTAMENTO DE CULTURA DA PREFITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DE ITANAPOANA DE PEQUENA DEMONSTRAÇÃO DA HISTÓRIA LITERÁRIA, CULTURAL,E ESPORTIVA, DO ACADÊMICO, ESCRITOR, HISTORIADOR E POETA ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE QUANDO DA REALIZAÇÃO DO CAFÉ LITÁRÁRIO REALIZADO NA ESCOLA ESTADUAL SÃO FRANCISCO DE PAULA.


LIVROS DE HISTÓRIA DE SÃO FRANCISCO EDITADOS - APONTAMENTOS PARA A HISTÓRIA DE SÃO FRANCISCO DE ITABAPOA E A MINHA TERRA TAMBÉM FAZ PARTE DA HISTÓRIA DO BRASIL

CARTÕES DE PRATA E TROFÉUS RECEBIDOS
EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA
EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA
EXPOSIÇÃO DE MOÇÕES RECEBIDAS, CERTIFICADOS E DIPLOMAS
TROFEU RECEBÍDO EM CONCURSO DE POESIA
TROFÉUS, MEDALHAS, CERTIFICADOS E DIPLOMAS RECEBIDOS


70 ANOS DA ACADEMIA PEDRALVA LETRAS E ARTES



É para mim uma grande honra, um privilégio presidir uma instituição literária, cultural, artística, que tem uma história de exemplos, virtudes e conquistas. Conhecida no Brasil inteiro, a Academia Pedralva Letras e Artes projetou vários nomes que se destacaram e se consagraram no jornalismo, na área de comunicação, além de escritores, historiadores, poetas, trovadores, professores e artistas. Setenta anos ininterruptos trabalhando projetando a cultura; eu não podia merecer tanto, além de compor o quadro de acadêmicos efetivos dessa valiosa, respeitada, consagrada e douta instituição, ocupando a Cadeira 31, ter a prerrogativa de presidi-la nesta data histórica e comemorativa.
A PEDRALVA conseguiu reunir na sua composição de acadêmicos, amigos e colaboradores, pessoas talentosas, vencedoras, apaixonadas pela cultura e pela arte, que tem alcançado extraordinário reconhecimento, na região e no Brasil!

                                    Roberto Pinheiro Acruche - Presidente
e
 José Gurgel dos Santos* Vice-Presidente; Carlos Augusto Souto de Alencar - Secretário * Roberto Pinheiro Acruche - Presidente
 Roberto Pinheiro Acruche - quando discursava  na Cãmara Municipal de Campos dos Goytacazes reunião Solene
 Thelmo Albernaz * Secretário Adjunto - Graziela Escocard Ribeiro - Diretora do Museu Histórico de Campos dos Goytacazes* Roberto Pinhairo Acruche - Presidente
 Mesa Diretora composta com representantes de diversas instituições literárias e cultural
 José Florentino Salles - Acadêmico cadeira nº 1 e Roberto Pinheiro Acruche
 Grupo de Acadêmicos

 Acadêmico José Florentino Salles recebendo do Presidente Roberto Pinheiro Acruche o certificado de PEDRALVENSE EMÉRITO.

 Acadêmica Heloisa Crespo recebendo do Presidente Roberto Pinheiro Acruche o título de PEDRALVENSE EMÉRITA
 Presidente Roberto Pinheiro Acruche discursando na reunião realizada na Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes
 Cantora Alba Valéria quando recebeu o Certificado de "Amiga da PEDRALVA"
 Diretora do Museu Histórico de Campos dos Goytacazes discursando na Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes homenageando a Academia
 Acadêmico e Secretário da PEDRALVA - Professor e Poeta Carlos Augusto Souto de Alencar
Acadêmico e Vice- Presidente da PEDRALVA - Poeta e Escritor José Gurgel dos Santos

ORAÇÃO DO LAVRADOR


ORAÇÃO DO LAVRADOR
Sinhozinho, 

meu Pai qui intá nu céu
oiai pra essi trabaiadô
qui tanto percisa du Sinhô
di modo vencê as amolação.


Dispois di mais fazê a plantação,
meu Sinhozino, desdi intão,
a chuva deu sumidô,
dexando um rasto di dô,
dirfíci di arguentá.

Essi veio cansado 
di tanto, tanto trabaiar,
num sabe mais
u qui fazê
pra tudinho num perdê,
pra fome afurgentá.

Lá ni nossa paioça
qui fica num meio da roça
Inácia, quí é mais minha muié,
Sinhozinho, sabe comu qui é,
fíca de choradô,
peorcupada cum a situação,
cum um bucadinho de fejão,
quinstá gardado na cutê.

Sinhozinho! Dá dó di vê,
as criação morrê
sem um tiquinho di ração;
u gado num tê o di cumê
di modo subrivivê
mais essa longada solação.

Já fizemo rezadô
pidimu perdão pru Sinhô
prus pecado qui cumetemo.
Só quiinda num sabemo
Si ove escutadô
I purquê
a chuva num chegô
pra moiar essi torrão.

Sarve u gadu qui tá murrendo
sarve tuda nossa prantação
que ti juro di juelho
qui di janero a janero
na capela di São jusé,
qui fica lá nu lugarejo,
eu vô di pé...
tudo fim di sumana,
cendê uma vela,
cum essas mão pocada di calu
dí infrentá o cabu di inchada
di foiça e di inchadão.
Num vô querê mais perdão
Si essa pormessa num cumpri.

Mas Sinhozinho, 
essi povo pobre, tudinhu, 
vai mais fazê uma porcissão
ficá di juelho nu chão
pra modo bendizê a vosmecê
acabá cum essa sofridão.

Nós tudo estamo a crê
qui tudinhu vai acuntecê,
iguarzinho cumo disse São João,
naságua du Jordão;
qui u Sinhô é u messia
qui u Sinhô é munto bão
que veio trazê novu dia
trazê pazi e aligria 
veio, pra norsa sarvação!...

Roberto Pinheiro Acruche


POESIA PÁGINA ROMÂNTICA


ENTRE NÓS

Não existe momento mais bonito,
nem paisagem mais bela;
não existe, um sentimento de paz,
ternura, romântico,
mais perceptível,
que aquele
que nos entregamos,
que se entrelaçam
os nossos corpos;
o meu e o dela.
Roberto Pinheiro Acruche


ACADEMIA PEDRALVA COMPLETA 70 ANOS

   É UMA GRANDE HONRA PRESIDIR ESTA ENTIDADE DE RELEVANTES SERVIÇOS PRESTADOS A CULTURA REGIONAL E TER A FELICIDADE DE COMEMORAR OS SEUS 70 ANOS DE FUNDAÇÃO  - Roberto Pinheiro Acruche


Ressaca no mar de Guaxindiba

Boca da Barra - Sossego X Guaxindiba - São Francisco do Itabapoana

Praia de Tatajiba São Francisco do Itabapoana, RJ.

Lagoa Doce , São Francisco de Itabapoana RJ

Um Giro Pelo Litoral de São Francisco

Manguinhos Praia dos Sonhos 1

Manguinhos onde o tempo não tem pressa

Praia de Manguinhos em São Francisco de Itabapoana - RJ

VÍDEO INSTITUCIONAL DA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DE ITABAPOA...

São Francisco de Itabapoana

Praia de Santa Clara - São Francisco do Itabapoana.wmv

mendonça e familia em gargaú

GARGAÚ FILME

Catadores e Catadoras de Caranguejo de Gargaú.mpg

Babau do Forró de GArgaú

Bracutaia Uma Lenda de Gargaú

Gargaú - Uma Viagem no Tempo 1991/2000

FICHA LIMPA OU FICHA SUJA? SÓ O TEMPO DIRA!

FICHA LIMPA OU FICHA SUJA? SÓ O TEMPO DIRA!

Até então, vinha resistido às insistências e pressões para comentar sobre os acontecimentos ocorridos na sessão extraordinária da Câmara Municipal de São Francisco de Itabapoana, no dia 19 de janeiro próximo passado; especialmente quanto ao que está sendo de nominado de “FICHA SUJA”. A priori, não posso comentar sobre tudo que ocorreu na referida sessão, porque não participei da mesma; diante de todas as indagações e consultas que me foram feitas, antes e depois da aludida sessão, não posso me aprofundar no assunto, porque não me ofereceram dados e elementos necessários, para que melhor pudesse me posicionar. No entanto, diante das matérias publicadas a respeito, que tive a oportunidade de ler, de outras informações que me foram passadas, e ainda, dos comentários e reações relativas ao resultado; para não ficar na omissão, o que verdadeiramente não combina com o meu instinto, e deixar sem resposta, o que certamente irá desgostar inúmeras pessoas que em mim sempre confiaram e a mim se dirigiram em busca de aclaramentos, acredito simplesmente por uma questão de confiança, o que sempre procurei honrar. Assim, e afim de melhor esclarecer, preliminarmente digo:

I-                            A  Lei Complementar nº 135 de 04 de junho de 2010, denominada “LEI DA FICHA LIMPA”, modificou a Lei Complementar nº 64 de 18 de maio de 1990, que surgiu do Projeto de Lei Popular nº 518/2009;

II-                        Em São Francisco de Itabapoana, a “Lei da Ficha Limpa” nº 394/2013 em vigor desde aquele ano, acabou sendo modificada pelos Senhores Vereadores, por 06 votos contra 04, ao apreciarem o Decreto de Lei nº 05/2017, em 19/01/2017;
Esta decisão passou a ser questionada por um expressivo número de pessoas, inconformadas e contrariadas passando a denominá-la de “LEI DA FICHA SUJA”.
COMENTANDO:
Tudo isso, leva a alguns questionamentos: É de  relevante interesse público a ALTERAÇÃO da Lei 394/2013 “Lei da Ficha Limpa”? Ou ainda matéria de urgência para que fosse convocada uma Sessão Extraordinária?

Acredito que esta convocação contradiz a Lei Orgânica Municipal em seu Art. 31 §4º que diz:

“Art. 31. §4º As Reuniões Extraordinárias serão convocadas, pelo Presidente da Câmara, por requerimento da maioria dos seus Membros, pelo Prefeito em caso de urgência ou de interesse público relevante, deliberando somente sobre matéria objeto da convocação.”

Sem querer me aprofundar no caso, mas a matéria me obriga, vejo amparado na Lei Orgânica, que além da convocação ser irregular, a matéria não traz em seu conteúdo nada que seja de interesse público relevante para ser votada em caráter de urgência, sem o devido tempo para melhor apreciação dos Senhores Edis, e até da Comissão que emitiu o parecer para o devido exame prévio; pois, conforme o Regimento Interno da Câmara, não tendo havido ainda eleição para formação das Comissões Permanentes, o Presidente da Câmara usou o que prever o Art. 25 do Regimento Interno, para nomear as Comissões; o que tudo indica que fora feito no decorrer da mesma sessão. 
Deixando transparecer o interesse urgente, urgentíssimo de aprovação desta e outras matérias num período previsto de apenas duas horas, o que é, de acordo com minha experiência, definitivamente curto; a não ser que... Aí, para perguntar a quem tanto interessa, quantas pessoas seriam beneficiadas e se não existem no município pessoas de ficha limpa com a devida competência para as funções, vou ter que entrar no campo político, o que não é do meu interesse e muito menos o objetivo.

Li nas páginas da rede social muitos protestos e algumas justificativas, essas, praticamente todas, com o seguinte argumento: “Foi feita uma readaptação da lei para garantir ao portador da ficha suja, o direito a ampla defesa, o que garante a Constituição Federal a qualquer cidadão.”

Entretanto neste caso há uma controvérsia; “não foi o Município que julgou e condenou essas pessoas, proibindo as mesmas de exercer função pública.”  A defesa delas, só pode ser feita junto aos órgãos que as condenaram ou em Estância  Jurídica superior. Não pode uma Lei Municipal contrariar o que a Constituição Federal estabelece.

Se esta nova redação dada a Lei for sancionada, todo indicado a cargo de livre nomeação (secretários, diretores e qualquer outro cargo comissionado), que tenha a ficha suja, poderá apresentar defesa no prazo de 30 dias, a partir da denúncia de que o mesmo seja ficha suja.

Na mudança aprovada diz o Art.6º que será aberto um procedimento administrativo para julgar o caso. Após essa etapa, caso a denúncia seja julgada procedente pelo presidente do procedimento administrativo, o ficha suja ainda terá o direito de se defender perante uma junta de recurso administrativo específica.

A junta será composta por cinco funcionários da administração pública, sendo obrigatoriamente dois desses cinco membros pertencentes aos quadros de efetivos.
 A indicação dos nomes para compor a comissão será feita pelo Poder Executivo.  Será essa comissão que terá a função de julgar se o indicado pela prefeita poderá exercer o cargo na administração. 

Veja bem, para melhor ajuizamento, a redação acima em negrito e a grifada.

Por mais que seja confiável, que credibilidade poderá passar para a população uma Comissão composta ou escolhida pelo Poder Executivo para julgar pessoas indicadas pelo mesmo poder? Por melhor que seja o juízo, haverá sempre, sem dúvida alguma, uma forte suspeição.

Outros questionamentos!

O indicado poderá (devia ser terá) de apresentar defesa no prazo de 30 dias, a partir da denúncia de que o mesmo seja ficha suja. Agora:

a)               Isso se houver denúncia; e caso não haja?
b)              Em que prazo será aberto e julgado pela Comissão? Não está previsto!
c)               Caso seja confirmada a sua ficha suja pela comissão o ficha suja terá o direito (aqui está terá, diferente do texto já questionado que diz poderá) o próprio de ficha suja ainda terá o direito de se defender perante uma junta de recurso administrativo específica.
d)              Em que prazo ocorrerá o julgado e como será formada essa junta administrativa específica? Tudo muito vago, o que também nesse caso acredito que a suspeição poderá ser bastante acentuada.
e)               Também não ficou estabelecido se o ficha suja, assim confirmada pela comissão, será afastado imediatamente do cargo ou permanecerá no mesmo, até o julgamento da citada comissão específica. O que supõe diante da legislação que será indefinido, e até quem sabe, podendo durar alguns anos.

PARA FINALIZAR:

Não acredito ser de iniciativa da Prefeita a mudança na Lei Municipal 394/2013 – Ficha Limpa; transformando-a em Ficha Suja conforme está sendo comentada!

São tantas as incoerências e questionamentos, que se pudesse aconselharia a mesma, vetar e não sancionar!

Algumas más línguas poderão dizer, ele é do contra, por isso está dizendo isso. Mas dentro da composição do atual governo, tem muitos que me conhecem e sabe do meu procedimento. Sabem que antes de tudo sou um sanfranciscano que quer bem ao Município e a população; sou um democrata convicto; sempre respeitei a decisão da maioria; no processo político já fui situação e oposição várias vezes; e no segundo caso jamais fiz qualquer intervenção que pudesse de alguma forma prejudicar a realização dos trabalhos e planos do Poder Constituído, especialmente no que se refere a melhoria, o progresso, o desenvolvimento e a prosperidade do Município;  sabem que nunca usei a mentira, a falsidade e a demagogia seja a que tempo for. Estou relatando isso sem a menor intenção de fazer apologia ao meu nome, o que sempre julgo ser desnecessário, pois o meu passado fala por mim.

Para concluir e não me alongar mais termino dizendo, que lamento muito essa ocorrência. Pois sei que a Prefeita está numa situação muito difícil; dificílima por sinal, o que eu sinceramente não desejaria, caso tivesse, para algum inimigo;
 SINTA O DRAMA:

-Se SANCIONAR colocará sobre os seus ombros a total responsabilidade, todo o peso de trocar o, Ficha Limpa pela Suja; (o que já vêm sendo comentado e duramente criticado);

-Se VETAR, estará mostrando a população que não compactua com a irregularidade, seja ela de corrupção, improbidade, malversação do dinheiro público e outras; porém estará transferindo a responsabilidade, desse ato imprudente e mal planejado para os Vereadores que aprovaram a mudança, que são na totalidade os que apóiam o Governo no Legislativo. Acredito até que vários assim fizeram por fidelidade e ao compromisso assumido, porém sem saber ou avaliar as conseqüências.


Somente o tempo dirá! Eu particularmente e honestamente desejo que ele seja usado para uma reflexão maior, que seja avaliada todas as decorrências e implicações, principalmente que os possíveis interesses pessoais não superem em nenhum momento os do município e da população.

OBRA PRIMA DA NATUREZA


PRAÇA  SÃO FRANCISCO DE PAULA

Praça central da cidade de São Francisco de Itabapoana/RJ

São Francisco de Itabapoana - suas Praias, sua Beleza, seus Campos e Floração Colorida
OBRA PRIMA DA NATUREZA
ME ORGULHO DE TER NASCIDO AQUI

Roberto Pinheiro Acruche - Poeta sanfranciscano
Académico - Ocupa a Cadeira nº 31 da Academia Pedralva Letras e Artes
Escritor Historiador e Compositor
Autor do Hino Oficial do Município





Manguezal de Gargaú - Berço eterno da Moça Bonita (lenda)

Lagoa do Comércio em Gargaú







Tradição Religiosa e Cultural de Guaxindiba - Procissão Marítima de N. S. dos Navegantes







Praia de Santa Clara - A mais movimentada, urbanizada e de maior extensão do litoral.



FALÉSIAS  MONUMENTO NATURAL ESCULPIDO PELA  NATUREZA


PRAIA DE MANGUINHOS - OCUPA VÁRIAS PAGINAS DA HISTÓRIA MUNICIPAL - 
BERÇO DE PAZ E TRANQUILIDADE





LAGOA DO COMÉRCIO EM GARGAÚ


LAGOA DA PRAIA EM GARGAÚ


USINA EÓLICA DE GARGAÚ - TIVE A HONRA E O PRIVILÉGIO DE ACOMPANHAR E ASSESSORAR TODO O PROCESSO DE  SUA INSTALAÇÃO!


Situada na Foz do Rio Itabapoana, na divisa com o Estado do Espirito Santo, tradicional comunidade sanfranciscana e berço da nossa história.

Quem Sou eu

Eu sou um caso,
um ocaso!
Eu sou um ser,
sem saber quem ser!
Eu sou uma esperança,
sem forças!
Eu sou energia,
ora cansada!
Eu sou um velho,
ora criança!
Eu sou um moço,
ora velho!
Eu sou uma luz,
ora apagada!
Eu sou tudo,
não sou nada!
Roberto P. Acruche

ESCREVA PARA MIM!

rpacruche@gmail.com
Visitas

free counter
Orbitz Cheap Ticket

Visitantes Online